Ilha Grande - Angra dos Reis

11:02



Ilha Grande é um verdadeiro paraíso. Um Lugar rico em diversidade, com uma beleza natural incomparável. 

Situado no Arquipélago de Angra dos Reis, a Ilha possui mais de 192km de extensão (Daí o nome de Ilha Grande), contando com praias semidesertas, cachoeiras e a vegetação exuberante da Mata Atlântica.

Se você está à procura de tranquilidade, contato com a natureza e simplicidade, aqui é o lugar certo!

Não tem como não se apaixonar por esse lugar! 😍


COMO CHEGAR 


Os melhores pontos para ir à Ilha Grande é por Angra dos Reis ou por Conceição de Jacareí.

Imagem extraída do site: www.ilhagrande.com.br
A escolha do melhor ponto de saída dependerá de onde você ficará hospedado. As embarcações que saem por Conceição de Jacareí somente atracam em Abraão. Portanto, caso você fique em outra parte da Ilha, essa não será uma opção. 

A vantagem de ir por Conceição de Jacareí é sua proximidade com Ilha Grande, consequentemente, você realizará uma viagem mais curta pelo mar. 

Como saímos de Paraty, resolvemos ir à Ilha Grande por Angra dos Reis (entre os dois pontos são 96km, umas duas horinhas de carro).

Chegando lá, deixamos o carro em um estacionamento bem próximo ao Cais de Santa Luzia, onde pegamos um Catamarã até a Ilha. 

O preço da passagem é de R$ 50,00 (cinquenta reais) por pessoa. Com relação aos horários, há uma regularidade diária de saída de embarcações para Abraão, sendo, aproximadamente, a cada uma hora.


ONDE FICAR


É possível você encontrar uma pousada ou um camping/hostel em praticamente toda a Ilha, porém a Vila do Abraão é onde fica a maior concentração de opções para hospedagem, além de ser o lugar com mais estrutura de lá.

Mantendo um clima bem rústico, Abraão é um pequeno Vilarejo de pescadores, contando com uma bela igrejinha na praça, algumas opções de restaurantes e, até mesmo, um mini shopping com diversas lojinhas de souvenirs e artesanatos locais.
Igrejinha de São Sebastião
Além do mais, a Vila do Abraão tem incontáveis atrativos. Lugares de bastante história, como o Lazareto e o Aqueduto, cachoeiras, praias e trilhas.
O Lazareto foi criado em meados do século XIX com o intuito de albergar, em espécie de quarentena, os imigrantes que chegavam dos navios com suspeita de cólera. Em 1940 (mesmo ano da entrada em vigor do nosso Código Penal), foi extinto o Lazareto e fundada a Colônia Penal de Cândido Mendes, para o encarceramento de presos por crimes comuns, com a consequente transferência dos presidiários que estavam em Dois Rios (ficando somente presos políticos por lá). Essa foi a razão propulsora para a construção da pista interligando as duas Vilas.
Observação: Apesar de ter mais estrutura, o local ainda não possui bancos ou caixas eletrônicos, então por precaução leve dinheiro, já que você pode angariar uns descontinhos com essa forma de pagamento (hodiernamente, quase todos os estabelecimentos aceitam cartão). 

Ficamos na Pousada Espaço Nativo, lugar bem charmosinho, com excelente localização e custo/benefício. 


O QUE FAZER 

Você precisará de, no mínimo, uns 5 (cinco) dias para bem aproveitar e conhecer Ilha Grande.

O turismo é fortemente explorado na região, então você não terá dificuldades para encontrar uma agência de turismo ofertando os passeios. 

A maioria fica na rua principal, praticamente uma do lado da outra. Resolvemos passar em várias para conferirmos os pacotes e os preços.

Síntese: Os preços são padronizados e os passeios também, diferenciando apenas as paradas para o almoço. Indico escolher os que param no Saco do Céu, o restaurante de lá é bem melhor do que o de Japariz (onde geralmente as lanchas e escunas param para o almoço), sem contar da paisagem!

As companhias de turismo ofertam 6 (seis) pacotes diferentes:

ESCUNA:
  • Lopes Mendes, Santo Antônio + parada adicional para o almoço  - R$ 30,00;
  • Lagoa Azul, Freguesia + Japariz - R$ 50,00;
LANCHA:
  • Ilhas Paradisíacas: Ilhas botinas, Ilha de Cataguás. Ponta da Piedade, Praia do Dentista,  Cataguases + parada para almoço - R$ 160,00 por pessoa;
  • Volta à Ilha: Caxadaço, Parnaioca, Aventureiro, Meros + parada do almoço em Maguariqueçaba (peça o peixe na banana da terra, estava divino) - R$ 190,00 por pessoa.
  • Meia volta: Lagoa Azul, Lagoa verde, Saco do Céu, Praia do amor e Praia da Feiticeira - R$ 150 por pessoa;
  • Super Sul: Ilha de Jorge grego, Dois Rios, Caxadaço e Lopes Mendes - R$ 150,00 por pessoa.


A volta à Ilha nem sempre está disponível devido às condições negativas do mar. 

Fizemos a volta à Ilha e a Meia volta. Super recomendo, os lugares são fantásticos, a tonalidade da água é de tirar o fôlego e a riqueza da vida marinha nem se fala.

Dividimos o nosso roteiro da seguinte forma:

1° Dia:

Como já chegamos depois do almoço, resolvemos ficar por Abraão e conhecer as belezas locais.

Praia Preta 
Fomos até a Praia Preta e de lá resolvemos pegar a trilha  T1 (que vai até o aqueduto). Do aqueduto, pegamos a trilha  T2, que vai até a Cachoeira da Feiticeira.


Mapinha com as trilhas. Extraído do site: ilhagrande.org
A trilha até a cachoeira dura, em média, 1h30min, mas é importante você levar em consideração que ela é ingrime, o que pode gerar um pouco de cansaço físico para quem não está tão acostumado. Porém, nada que pouquinho de ânimo e uma paradinha para apreciar a paisagem não resolva.

Aqueduto - onde se inicia a trilha T2
No nosso caso, tentamos acelerar o passo ao máximo, pois quando começamos fazer a trilha já passava das 15:00h.

Pegamos a cachoeira completamente vazia! 
Uma opção, para quem não estiver com tanta disposição de fazer a trilha ida e volta, é ir para a Praia da Feiticeira (mais uns 15 minutinhos de Trilha) e pegar um Táxi boat de volta à Vila.

É importante se atentar aos horários do Táxi, pois o último sai às 17:00h.

2° Dia:

Fizemos o passeio chamado "Meia volta", o qual recomendo muito fazer!

Abarca os melhores lugares para mergulho, com águas cristalinas e um visual deslumbrante. O passeio dura praticamente o dia inteiro, dando uma paradinha no Saco do Céu, para almoçar e recompor as energias.

É possível levar a bordo bebidas e coisinhas para entreter a fome.


Lagoa verde
O lugar é tão paradisíaco que até a Rede Globo estava gravando cenas da novela Sol Nascente. O que foi um pouco chatinho. Eles ficavam impedindo que ultrapassássemos até certo ponto da Lagoa. Mas, oi? O lugar é patrimônio de todos!

Confesso que não vislumbro muita diferença entre a cor da Lagoa verde e da azul, mas o que eu sei é que são verdadeiros encantos.

Lagoa Azul - O que era esse céu?!!!
3°  Dia:

No terceiro dia resolvemos fazer a volta a Ilha. Como já comentei por aqui, não são todos os dias que o passeio está liberado, então aproveitamos a boa condição do clima para fazê-lo.

Caxadaço
considerada umas das mais bonitas e mais preservadas. Não é possível avistá-la pelo mar, pois a praia fica bem escondida entre as rochas.
água em um verde estonteante
Parnaioca 

A praia de Parnaioca é voltada para o Atlântico, sendo considerada uma das mais isoladas de toda a Ilha.
Nessa praia também é possível encontrar um Rio que deságua no mar.  Hoje em dia, tem um Camping por lá, mas o local ainda não conta com energia elétrica.


A praia é acessível pelo mar ou pela trilha T16, que começa em Dois Rios. O meu noivo já fez a tal trilha, e ele garante que é uma das mais incríveis de toda a Ilha.

Aventureiro

Eu simplesmente me apaixonei por esse lugar!

É difícil dizer qual é a praia mais bonita da Ilha, mas essa, sem dúvidas, está na minha lista.

Meros

Excelente lugar para mergulho com snorkel. A riqueza da vida marinha impressiona.

4° Dia:

Fizemos a trilha de Abraão até Dois Rios (T14). São cerca de 8km, umas 2h30min de caminhada.

A subida é constante, porém longa. Então leve bastante água e um lanchinho para fazer no caminho.

Um dos rios que deságuam no mar


Dois Rios também é bem conhecida por causa do presídio de Cândido Mendes, onde surgiu uma das maiores facções criminosas: o comando vermelho.


Ao invés de fazermos a trilha de volta, conseguimos um táxi boat até a Praia de Lopes Mendes, e aproveitamos o resto da tarde por lá.

O valor do Táxi até Lopes Mendes é de R$ 50,00 por pessoa.

Praia de Lopes Mendes - considerada uma das mais bonitas do Brasil, com suas águas transparentes e seus areias que "cantam" (dependendo da forma que pisa, vai fazendo uns barulhinhos).
De lá, é preciso fazer uma outra trilha até a Praia do Pouso, onde pega-se outra embarcação até Abraão (R$ 25,00).

Fica aqui o meu convite para ir conhecer esse paraíso!

Beijo, Beijo!!!

Você pode gostar também

11 comentários

  1. Ilha Grande é demais né?! Fui uma vez, era passeio do colégio, já tem tanto tempo... preciso voltar, rever esse paraíso e conhecer as praias que não conheci! adorei o post!

    ResponderExcluir
  2. Realmente esses cantinhos do Rio de Janeiro são de encher a alma! Não conheço ainda Angra, mesmo tendo familia no RIo, que vergonha! rsrs Mas sou apaixonada por Ilha Grande....

    ResponderExcluir
  3. Ai que nostalgia gostosa ao ler esse post... passei alguns reveillons na minha infância/pre-adolescencia em Angra... passear de barco o dia todo, conhecendo as ilhas paradisíacas... ótimos momentos!
    Não lembro o nome do lugar que ficavamos, mas era um condomínio delicioso, com uma piscina show! Aproveitei mto!

    ResponderExcluir
  4. Adorei o post, nunca tive a oportunidade de conhecer esse litoral. Muito fofinho esse vilarejo e fiquei encantada com o fato de um lugar reunir natureza, tranquilidade e simplicidade, tudo que procuro =)

    ResponderExcluir
  5. eu sou apaixonada por ilha grande, sempre que vou acampo em Palmas e faço trilha para outros lugares.. ainda falta conhecer bastante coisa, a ilha é demais ne!! bjoss

    ResponderExcluir
  6. Ilha Grande ou o lugar que mais amei conhecer no Rio. Comemorei meu aniversario la e foi o único dia da semana que choveu ate acabar com a luz e os serviços dos restaurantes. Molhada ate os ossos, sem roupa de troca ( ficou molhada dentro da barraca ), e morrendo de frio. Mesmo assim, ilha grande é um dos meus lugres preferidos do Rio <3

    ResponderExcluir
  7. Essa ilha é linda mesmo. As fotos me deixaram com muita vontade de conhecer esse paraíso brasileiro; adorei as dicas do post :)

    ResponderExcluir
  8. Ilha Grande é um dos lugares mais lindos e incríveis que eu já visitei em toda a minha vida. Fui esse ano e já estou doida para voltar e fazer o passeio de barco, que foi incrivel também :)

    ResponderExcluir
  9. Ilha Grande é um destino incrível! Conheço pouco do lugar, visitei durante uma parada de um cruzeiro que fiz e já gostei bastante. Espero retornar para conhecer mais desse paraíso. Obrigado por compartilhar conosco as suas dicas.

    ResponderExcluir
  10. Eu tenho vontade de conhecer Ilha Grande e ainda não fui justamente pq queria pelo menos uns cinco dias para conhecer, pois já tinha ouvido falar que lá tem muitos atrativos e é até difícil fazer um roteiro para apenas um final de semana... Quem sabe não vou nas férias! Vou pegar suas as dicas aqui no blog =)

    ResponderExcluir
  11. simplesmente amei esse roteiro hein?! fiquei aqui babando e morrendo de vontade de ir também! Que lugar maravilhoso! adorei o post

    ResponderExcluir

MAIS ACESSADOS

FANPAGE

AUTORAL

Todos os textos são autorais e estão assegurados pela Lei nº 9.610/98. Sendo proibida a sua reprodução total o parcial. Todas as fotos contidas nas postagens são autorais.