Fortaleza – Ceará

09:55





Escolher o Ceará como destino para as nossas férias de setembro não foi nada aleatório. Minha família paterna é de Fortaleza e, por toda a minha infância, passávamos as férias de final do ano lá. Mas confesso que fazia uns anos que não pisava nessa terrinha maravilhosa e, como eu estava devendo uma visitinha a todos, resolvemos ir para Fortaleza, mas com o objetivo final dar uma esticada até Jericoacoara (no litoral oeste).
Essa viagem foi a prova de que podemos ir inúmeras vezes ao mesmo lugar, mas mesmo assim parecer como se fosse à primeira vez, pois não só a nossa percepção muda, mas nós mudamos diariamente.
Traçada a rota, tínhamos 09 (nove) dias de férias e resolvemos dividi-los da seguinte forma: 2 (dois) dias em Fortaleza; 3 (três) dias em Cumbuco e o restante dos dias em Jericoacoara.
Chegamos bem à noite, mas como meu irmão foi nos buscar no aeroporto, resolvemos dar uma voltinha de carro para conhecermos alguns pontos no centro da cidade, inclusive à beira mar.
Daí ser tão bom viajar pra onde se tem família, você se sente em casa!!!
No dia seguinte, acordamos bem cedo (e os dias começam mais cedo, viu?!) e tomamos café da manhã no Empório Delitalia.
O lugar fica na Avenida Desembargador Moreira e é simplesmente fantástico! Um mix de cafeteria, mercado gourmet, sorveteria, pizzaria… Ou seja, você encontrará de tudo um pouco.  
Após o café da manhã impecável, resolvemos ir conhecer o mercado Central de Fortaleza. O Mercado Central é uma galeria enorme repleta de produtos artesanais e fica localizado no centro bem ao lado da Catedral Metropolitana.

No Mercado é possível encontrar artigos em couro, rendas, bordados, produtos regionais (castanhas, cachaças e doces), além de camisetas, lembrancinhas e artigos para decoração. Não podia deixar de fazer umas comprinhas, vale a pena caprichar na pechincha, ehm!!!

Nada mais típico do que tomar um shot de cachaça para alegrar um pouco mais o passeio (vou nem dizer que ficamos bem animados para continuarmos o programado).
Conhecemos a Igreja Metropolitana de Fortaleza (muito linda) que foi inaugurada em 1978, com predominância arquitetônica gótica e romântica, fazendo referência à Catedral de Colônia (em Portugal) e à Catedral de Chartres (na França).
A Catedral Metropolitana de Fortaleza é a terceira maior do País, com capacidade para abrigar cinco mil pessoas.
Parte interna da Catedral
Após uma longa caminhada pelo Centro de Fortaleza, fomos almoçar na Guarderia, na Praia do Futuro – A preferidinha.
A praia do Futuro costuma ser bem cheia, mas esse dia, em especial, tava muito tranquila

Considerada a principal praia de Fortaleza, além de muito limpa, possui um cenário incrível com areias fofas e claras (só venta muito, desencana com a cabeleira!).


A praia do Futuro possui várias opções de restaurantes e barraquinhas ao longo de sua extensão, para todos os gostos e bolsos. Acabamos indo em duas, que julgo como as principais: Guarderia Brasil e Crocobeach Bar e Restaurante.
Guardaria
A Guardaria possui um ambiente cool, ótima estrutura, com DJ e, aos finais de semana, rola umas festinhas à la sunset. 
Já a Crocobeach, também com excelente estrutura, é um ambiente mais familiar e possui opções de brinquedos para crianças.  E pra quem não está pra mar, o restaurante dispõe de uma piscina para os clientes, mas paga-se uma taxa de R$ 15 (quinze) reais por pessoa.
Pra fechar o dia com Chave de Ouro, fomos ver o pôr-do-sol na Beira Mar (Gratidão)

Texto por: Luana Magalhães (@luanaszpilmann).

Você pode gostar também

0 comentários

MAIS ACESSADOS

FANPAGE

AUTORAL

Todos os textos são autorais e estão assegurados pela Lei nº 9.610/98. Sendo proibida a sua reprodução total o parcial. Todas as fotos contidas nas postagens são autorais.